Receita Federal vasculha redes sociais em busca de sonegadores

Ostentar na internet e não declarar bens compatíveis pode custar caro pois a Receita Federal tem reforçado a fiscalização em sites e redes sociais em busca de inconsistências financeiras.

Segundo um auditor: “A gente usa a internet como subsídio. Toda fiscalização é feita com base numa análise de risco, a partir de um algoritmo que varre a internet com palavras-chave e vincula um determinado perfil a critérios já programados”.

Fotos com carros, motos e viagens são cruzadas com as declarações de rendimentos e a partir dai a fiscalização é aprofundada.

São os reflexos do Big brother fiscal que vivemos.

Todo cuidado….

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s